Estádios da Copa apresentaram avanço tímido em setembro

Posted: October 3, 2012 in Uncategorized
Tags: , , ,

O mês de setembro registrou avanço tímido das arenas da Copa do Mundo 2014. Cinco estádios (Arena da Amazônia, Arena da Baixada, Arena Pantanal, Fonte Nova e Mineirão) não tiveram nenhuma alteração no índice de execução de obras, permanecendo com o mesmo percentual relativo ao mês de agosto.

Nem por isso, as obras deixaram de evoluir. No Mineirão, 20 alpinistas iniciaram a instalação das membranas sobre a estrutura metálica da cobertura. Na Fonte Nova, o içamento dos cabos de aço da coberta do estádio também foi iniciado. E na Arena Pantanal, o setor oeste das arquibancadas ficou pronto no último mês, com todos os degraus devidamente assentados.

Vale lembrar que os índices são relativos ao mês de setembro, e arenas como o Mineirão, a Arena Pernambuco e a Arena Pantanal, entre outras, estão prestes a divulgar um novo percentual das obras.

A se destacar, o fato de que, com a instalação dos primeiros pilares da cobertura da Arena Pernambuco, agora os seis palcos da Copa das Confederações já iniciaram a implantação da coberta, etapa fundamental para dar cara nova aos estádios.

Há espaço até para um intruso na lista: a Arena Corinthians que, com “somente” 51% das obras, também deu início à implantação do primeiro módulo da cobertura, no setor leste.

 

Belo Horizonte
A menos de três meses da inauguração, o Mineirão está com 78% das obras executadas, mas o índice, relativo ao mês de agosto, deverá sofrer uma nova atualização nestes primeiros dias de outubro. Desde a última semana, alpinistas iniciaram a montagem da membrana da nova cobertura. As treliças metálicas da estrutura já estavam colocadas. Os trabalhos também estão em andamento na esplanada, com a montagem das peças pré-moldadas da via de integração com o Mineirinho e a instalação do piso do estacionamento coberto. A fase de acabamento também avançou nos camarotes, banheiros, vestiários. As partes hidráulica e elétrica seguem o cronograma. A obra conta hoje com 2,9 mil operários.

Brasília
Após o término das arquibancadas inferior, intermediária e superior do Estádio Nacional Mané Garrincha, o Consórcio Brasília 2014 finaliza a concretagem do anel de compressão da cobertura, já fechado. O estádio atingiu 76% de execução a cinco meses do prazo previsto para a conclusão. No mês passado, os 288 pilares que compõem a fachada da arena e formam a área de acesso foram instalados. Segundo o governo do Distrito Federal, a laje que cobre o segundo pavimento da arena também está pronta.

Cuiabá
Segundo a Secopa, grande avanço na obra da Arena Pantanal foi a conclusão da arquibancada oeste, agora 100%. Ainda no setor oeste, a alvenaria dos banheiros e salas VIPs se encontra quase concluída. A montagem dos pórticos em formato de trave que darão sustentação à cobertura também segue, mas sem avanços notáveis. Agora, são três gruas na obra –antes havia apenas uma. Com elas, diz a Secopa, a ideia é acelerar a montagem das arquibancadas de concreto, especialmente a leste, que será a maior. O estádio mantém os 47% de execução de agosto.

Curitiba
Os trabalhos na Arena da Baixada seguem com 45% de execução, na fase de demolições, fundações e outras etapas da construção do estádio. Até o mês passado, cinco estruturas do complexo eram demolidas. Já a etapa de fundação ocorria em quatro setores. Há ainda quatro outras frentes de trabalho. A terraplanagem, por sua vez, é feita em dois locais: no gramado, que terá a reconstrução de elementos como drenagem, aquecimento e irrigação, e na área do futuro estacionamento. Com 433 operários, a arena deve ser reaberta em dezembro de 2013.

Fortaleza
Com 89% de execução, a obra do Castelão teve avanços importantes, como o nivelamento do campo e os serviços de drenagem. A próxima etapa é o início do plantio da grama. Na cobertura, os pórticos e as tesouras treliçadas já foram montados, e agora começam a ser colocadas as telhas do tipo sanduíche, compostas por duas faces de metal e enchimento de espuma isolante. O estádio, que conta com 1,6 mil trabalhadores, segue com a obra mais avançada entre as 12 arenas da Copa 2014.

Manaus
A Arena da Amazônia segue 45% pronta, à mercê, ainda, da liberação da segunda parcela do empréstimo do BNDES. O trabalho mais intenso está relacionado à montagem das estruturas de concreto dos camarotes e nas primeiras vigas que vão sustentar a arquibancada superior do lado leste. Neste mês, ocorrerá o início da montagem dos degraus pré-moldados do anel superior. No mesmo setor, as lajes pré-moldadas que vão compor os pavimentos dos camarotes e da arquibancada superior são instaladas. A montagem de pilares, paredes, vigas, lajes pré-moldadas e lajes de piso segue em andamento no setor oeste da obra. Hoje, 1,4 mil operários trabalham na construção.

Natal
A construtora OAS iniciou a montagem das arquibancadas no setor sul da Arena das Dunas. A instalação da estrutura já havia sido iniciada no trecho oeste. A conclusão da montagem deve ocorrer no início do ano que vem. A instalação das vigas de consolidação está em andamento no setor leste. Ao lado das vigas-jacaré elas formarão a base da arquibancada nesse lado do campo. O estádio potiguar continua com 33% de execução.

Porto Alegre
O Beira-Rio chegou à marca de 38% após a conclusão da retirada da marquise. Os trabalhos seguem em andamento nos quadrantes da arquibancada inferior. No 1º, ocorre a preparação para a execução da laje, entre o muro e a arquibancada. Já nos quadrantes 2 e 3, nove mil m³ de terra foram escavados. O último trecho, o 4º, ocorre a instalação dos pré-moldados. Na parte superior da arquibancada, ocorre a retirada da capa de concreto. No entorno, está em andamento a fundação de blocos e vigas das 16 torres que vão compor as rampas de acesso do estádio.

Recife
Com 58% das obras concluídas até aqui, a Arena Pernambuco teve seu primeiro pilar metálico da cobertura montado, se tornando o sexto estádio da Copa das Confederações a entrar nesta derradeira etapa da obra. Ao todo, são 68 colunas dando suporte à cobertura de 20 mil m². A superestrutura do estádio está 70% concluída. A construção das arquibancadas, por sua vez, passou de 53% para 62% de execução. Já nas áreas de sistema viário e estacionamentos, os trabalhos atingiram 84,53%. A obra é executada por quatro mil operários.

Rio de Janeiro
Os andaimes que apoiarão os cabos da cobertura já começaram a ser montados nas arquibancadas. Depois, 120 macacos hidráulicos vão erguer estes cabos, que têm 20 mil metros de comprimento. O Consórcio Maracanã Rio 2014 finalizou a instalação de 2.750 peças pré-fabricadas na nova arquibancada, com o auxílio de quatro gruas montadas dentro de campo. O anel de compressão foi concluído após a instalação da 60ª estrutura de 40 toneladas. Seguem em andamento trabalhos relativos ao gramado, além da colocação dos pisos e revestimentos e pisos dos banheiros. No total, são 5,5 mil trabalhadores no canteiro de obras. O estádio está 66% concluído.

Salvador
Em setembro, o consórcio responsável pela obra iniciou o içamento dos cabos da cobertura. O processo deve durar até a segunda quinzena deste mês. A montagem da superestrutura, composta por pilares, vigas, lajes e pelas arquibancadas da Fonte Nova, já foi concluída. O edifício-garagem está com 85% das fundações finalizadas. Os pisos e revestimentos atingiram 70% e 17% de conclusão, respectivamente. As instalações elétricas, hidráulicas, TI e elevadores chegaram a 48%. O estádio mantém 70% de execução e conta com três mil operários no canteiro de obras.

São Paulo
Mesmo com apenas 51% das obras prontas, o primeiro módulo da estrutura metálica da cobertura Arena Corinthians já foi içado, na parte central da arquibancada leste. A peça foi erguida pelo superguindaste de 1.500 toneladas de capacidade e lança de 114 metros. No total, a estrutura da cobertura leste terá 10 módulos de aço, cada um medindo 75 metros de comprimento. O maior avanço ocorreu no setor leste do estádio, onde todos os degraus da arquibancada foram instalados. A execução dessa etapa nos trechos oeste, norte e sul está quase concluída.

Confira a lista com as obras mais adiantadas da Copa: 

1º Castelão – Fortaleza (89%)

2º Mineirão – Belo Horizonte (78%)

3º Estádio Nacional Mané Garrincha – Brasília (76%)

4º Fonte Nova – Salvador (70%)

5º Maracanã – Rio de Janeiro (66%)

6º Arena Pernambuco – Grande Recife (58%)

7º Arena Corinthians – São Paulo (51%)

8º Arena Pantanal – Cuiabá (47%)

9º Arena da Baixada – Curitiba (45%)

9º Arena da Amazônia – Manaus (45%)

11º Beira-Rio – Porto Alegre (38%)

12º Arena das Dunas – Natal (33%)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s